Livro: A Metalurgia do Pó

Foi lançado em Fevereiro de 2009 uma nova publicação sobre Metalurgia do Pó no Brasil. A obra foi escrita por 25 autores, dentre eles profissionais com atuação nas principais indústrias de Metalurgia do Pó no Brasil assim como mestres e doutores de renome internacional que atuam nas principais universidades e centros de pesquisa do país.

A Metalurgia do Pó está mais presente em nosso dia a dia do que imaginamos. Encontramos aplicações na indústria automobilística, de eletrodomésticos, filtros metálicos, materiais magnéticos, cerâmicos, elétricos, materiais para pastilhas de freio e materiais auto-lubrificantes. Também na indústria química, farmacêutica e alimentícia encontramos importantes aplicações tais como o enriquecimento de alimentos com ferro, contribuindo assim com a erradicação da anemia em nosso país.

Mesmo tendo um campo vasto de aplicações, seu uso é ainda incipiente no Brasil quando comparado com países desenvolvidos como EUA, Japão e o continente Europeu.

Esta obra tem por objetivo apresentar, de forma direta e ilustrada, os conceitos envolvidos, as aplicações já consagradas e também as orientações necessárias para o desenvolvimento de uma peça sinterizada obtida pela Metalurgia do Pó.

O leitor descobrirá que, frente a outros processos de conformação, o material sinterizado é uma alternativa técnica e economicamente vantajosa, além de ser uma opção ecologicamente correta devido ao baixo impacto ambiental inerente ao processo.

 
Título: A METALURGIA DO PÓ: ALTERNATIVA ECONÔMICA COM MENOR IMPACTO AMBIENTAL
Autor: VÁRIOS
Editora: METALLUM EVENTOS TÉCNICOS E CIENTÍFICOS
 
Disponibilidade:
Produto em estoque. Venda exclusivamente através do site.

Condições de Entrega:
Correio: os livros serão enviados através de carta registrada com entrega prevista para 5 dias úteis. Este serviço contará com o acréscimo de R$ 10,00 no valor total do livro, ficando o valor unitário a R$ 50,00.

Forma de Pagamento:
Cartão Visa ou Depósito Bancário
Somente Livro : R$ 40,00
Livro + Frete : R$ 50,00


CARACTERÍSTICAS DETALHADAS
I.S.B.N.: 978-85-62404-00-9
Altura: 23 cm.
Largura: 16 cm.
Acabamento: Brochura
Edição: 1ª Ed. / 2009
Idioma: Português
País de Origem: Brasil
Número de Paginas: 320
Peso: 0,44 kg
 
AUTORES PARTICIPANTES

Alcides Cremonezi, Físico pela UNICAMP, Mestre em Eng. Elétrica pela UNICAMP.
  GKN Sinter Metals
 

Aloisio N. Klein, Dr. Ing. pela Universidade de Karlsruhe, Alemanha

 

LabMat/UFSC – Universidade Federal de Santa Catarina

 

Amauri Loberto, PMT, Eng. Mecânico pela EPUSP

 

Magneti Marelli Cofap

 

Daniel Rodrigues, Doutor em Engenharia Metalúrgica e de Materiais pela EPUSP

 

IPT – Instituto de Pesquisas Tecnológicas

 
Domingos Theodoro de Andrade Figueira Filho, Eng. Metalurgista
  FEI – Faculdade de Engenharia Industrial
  BS Metalúrgica
 

Fernando Iervolino, PMT, Eng. Mecânico

  Metalpó
 

Fernando José Gomes Landgraf, Doutor em Metalurgia pela EPUSP

 

EPUSP – Escola Politécnica da USP

 

Francisco Ambrozio Filho, Dr. Eng. Metalúrgica EPUSP, Pós-doc I. Metalforshung, Alemanha

  IPEN – Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares
  FEI – Faculdade de Engenharia Industrial
 

Henrique Lopes, Eng. de Materiais – Escola de Engenharia Mackenzie

 

Höganäs Brasil

 

Isolda Costa, Ph.D. em Corrosão pela Univ. of Manchester Inst. of Science and Technology

 

IPEN – Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares

 

Jan Tengzelius

 

Höganäs AB

 

Jesualdo Luiz Rossi, Ph.D. Universidade de Manchester - RU

  IPEN – Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares
 

Juliano Orlandin, Eng. de Produção Mecânica

 

Mahle Metal Leve Miba Sinterizados

 

Lucio Salgado, Doutor em Materiais – IPEN

 

IPEN – Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares

 

Luis Antônio Genova, Eng. Materiais pela UFSCAR, Doutor em Tecnologia Nuclear pela USP-IPEN

 

IPEN – Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares

 

Luiz Antonio C. Bulla, Eng. Industrial Mecânico pela UNIMEP

 

Mahle Metal Leve Miba Sinterizados

 

Marcelo Mantovani Iasi, PMT, Eng. Metalurgista pela EPUSP

  Metalpó
 

Marcio Carvalho, Eng. Metalurgista

  Höganäs Brasil 
 

Marco Antonio Trincha Pallini, Eng. Materiais pela UFSCAR

  Metaldyne Componentes Automotivos do Brasil (Grupo Asahi Tec)
 

Maria do Carmo Amorim da Silva, Doutora pela EPUSP, Pós doutorado MM Cofap

 

Magneti Marelli Cofap

 
Pedro A. Mazza, Eng. Mecânico pela EFEI
 

Höganäs Brasil

 

Roberto Barciella, PMT, Eng. Produção pela EPUSP, Quality Eng. Pela ASQC

 

Magneti Marelli Cofap

 

Ronaldo Pegorer, PMT, Eng. Metalurgista pela EPUSP

 

Mahle Metal Leve Miba Sinterizados

 

Silvio Abreu, PMT, Eng. Mecânico pela EPUSP

 

REP Minerals

 

Waldyr Ristow Jr, Mestre em Ciência e Engenharia de Materiais pela UFSC

  Steelinject Ltda – Lupatech
 
CONTEÚDO

1- História da técnica
 

1.1- Estado atual

  1.2- O que está por vir
2- Impacto Ambiental
3- Aplicações
 

3.1- Quando aplicar a metalurgia do pó

  3.2- Automobilística
  3.3- Eletrodomésticos
  3.4- Ferramentas Elétricas e Jardinagem
  3.5- Buchas auto-lubrificantes
  3.6- Metal Duro
  3.7- Aço ferramenta e Aço rápido
  3.8- Assentos de Válvula
  3.9- Filtros metálicos
  3.10- Materiais de fricção (freio e embreagem)
  3.11- Materiais Cerâmicos
  3.12- Aplicações Elétricas
    3.12.1- Lâmpadas Incandescentes
    3.12.2- Contatos elétricos
    3.12.3- Escovas elétricas
    3.12.4- Eletrodos de Solda a Resistência
    3.12.5- Eletrodos de Solda a Arco
    3.12.6- Materiais Supercondutores
  3.13- Materiais magnéticos
    3.13.1- Conceitos
   

3.13.2- Materiais Magnéticamente Duros - Imãs

    3.13.1- Materiais Magnéticamente Moles - SMC
  3.14- Aplicações médicas e dentárias
  3.15- Alimentícia e Farmacêutica
  3.16- Bens de consumo
  3.17- Peças especiais (pequenos lotes ; alta complexidade)
4- Materiais
 

4.1- Seleção do material

  4.2- Normas utilizadas e codificação dos materiais sinterizados
 

4.3- Aplicações típicas dos materiais sinterizados

   

4.3.1 – Em peças estruturais

   

4.3.2 – Em buchas

5- Pós
 

5.1- Introdução

  5.2- Redução direta do minério de ferro por Carbono
  5.3- Atomização de aço baixo-carbono por água
  5.4- Outros processos de fabricação
  5.5- Formatos dos pós e suas características
  5.6- Caracterização e Análises
6- Misturas:
 

6.1- Mistura de pós Metálicos e seus tipos

 

6.2- Cálculo para preparo de ligas

 

6.3- Equipamentos

  6.4– Procedimento para mistura
  6.5– Manuseio e transporte
7- Compactação:
 

7.1- Ferramental de compactação

 

7.2- O ciclo de compactação

 

7.3- O cálculo da altura de enchimento

 

7.4- Ferramental

 

7.5- Prensas

  7.6- Formas Preferíveis
 

7.7- Manuseio de peças verdes

 

7.8- Recursos para aumento da densidade

8- Sinterização
 

8.1 Aspectos gerais da sinterização

 

8.2 A sinterização por fase líquida

 

8.3 Efeitos da sinterização sobre as características do sinterizado

 

8.4 Atmosferas de sinterização

 

8.5 Fornos para sinterização

 

8.6 Roteiro para a solução de problemas na sinterização de aços

 

8.7 O processo de sinterhardening

9- Etapas Complementares
  9.1- Calibragem
  9.2- Usinagem
  9.3- Tratamentos superficiais
    9.3.1- Camadas galvânicas ou eletrolíticas
    9.3.2- Deposição mecânica de metais
    9.3.3- Deposição química
    9.3.4- Zincagem à fogo
  9.4- Impregnação
    9.4.1- Impregnação com Resina
    9.4.2- Impregnação com óleo
  9.5- Infiltração Metálica
  9.6- Tratamentos Térmicos e Termoquímicos
    9.6.1- Têmpera e Revenido
    9.6.2- Tratamentos Termoquímicos
    9.6.3- Nitretação a Plasma
    9.6.4- Oxidação à Vapor ou Ferroxidação (Ferrox)
  9.7- Rebarbação
    9.7.1- Escovação/Escovamento à verde
    9.7.2- Tamboreamento
    9.7.3- Jateamento
  9.8- União de componentes
    9.8.1- Métodos Convencionais
    9.8.2- União de duas peças com dif coef de exp
    9.8.3- Brazagem
    9.8.4- Solda a Arco
    9.8.5- Solda por resistência
  9.9- Densificação superficial
  9.10- Embalagem
10- Controle de Qualidade
  -Metrologia básica
  -Densidade aparente
  -Dureza (aparente e micro-dureza)
  -Ensaios mecânicos – Tração e Ruptura transversal; Charpy
  -Metalografia
  -Analise química
  -Outros ensaios - Magnaflux, raio X, ressonância acústica
  -Teor de impregnação (Buchas)
  -Ruptura Radial (Buchas)
  -Controle estatístico - CEP, Cp, Cpk
11- Estudos de casos
12- Outros processos
  12.1- Sinterforjado
  12.2- Compactação de alta velocidade
  12.3- Compactação isostática (HIP; CIP)
  12.4- Conformação sem pressão
  12.5- Compósitos magnéticos moles - SMC
  12.6- Moldagem de pós por injeção - MIM / PIM
  12.7- Conformação por spray - Osprey
  12.8- Sinterização por Micro-Ondas